Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/Cabo-Frio (2º Barão e Visconde com grandeza de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
Cabo-Frio (2º Barão e Visconde com grandeza de)


CABO-FRIO. (2º Barão e Visconde com grandeza de) Joaquim Thomaz do Amaral.

Nasceu no Rio de Janeiro em 16 de Agosto de 1818.

Falleceu nessa cidade em 1907.

Filho de Antonio José do Amaral e de sua mulher D. Maria Benedicta Carneiro da Silva Amaral.

Entrando para a carreira diplomatica, foi Secretario de Legação e Ministro Plenipotenciario em Londres, Paris, Bruxellas, Argentina, Uruguay e Paraguay. Foi, em 1840, Commissario Arbitro da Commissão Mixta Brasileira e Ingleza em Serra Leôa; mais do que benemerito diplomata, era o Archivo animado da Secretaria das Relações Exteriores, que regeu por varios lustros.

Era do Conselho de S. Magestade, Commendador da I. Ordem da Rosa, Cavalleiro da Legião de Honra, Grã-Cruz da Ordem de Leopoldo da Belgica, de Isabel a Catholica, da Hespanha, da Corôa de Ferro, da Imperial Ordem do Duplo-Dragão da China, da Aguia Vermelha da Prussia e socio honorario do Instituto Historico e Geographico Brasileiro, etc.

CREAÇÃO DOS TITULOS: Barão por decreto de 2 de Maio de 1874. Visconde com grandeza por decreto de 2 de Maio de 1889.