Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/Monte Alegre. (1º Barão, Visconde com grandeza e Marquez de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
Monte Alegre. (1º Barão, Visconde com grandeza e Marquez de)


Ministro do Imperio no 10º Gabinete de 1848, assumiu a Presidencia do Conselho nesse anno. Tomou assento na Assembléa Constituinte de 1823, pela Provincia da Bahia. Foi Deputado por essa Provincia na 1ª, 2ª legislaturas de 1826 a 1833, tendo presidido a Camara em ambas as legislaturas e Deputado por S. Paulo na 4ª legislatura de 1839, sendo neste anno nomeado Senador por essa Provincia.

Fez parte da Regencia permanente eleita em 1831, e era Conselheiro de Estado extraordinario em 1842 e ordinario em 1853. Grã-Cruz da Imperial Ordem do Cruzeiro, da Legião de Honra, da França, por ter servido de testemunha no casamento do Principe de Joinville com a Princeza D. Francisca, irmã de S. Magestade D. Pedro II. Era Grande do Imperio.

BRAZÃO DE ARMAS: Escudo partido em pala, na primeira, de azul, seis cóstas de prata em tres faxas, no segundo, de oiro tres bolotas de verde póstas em roquette. (Brazão passado em 31 de Desembro de 1855. Reg. no Cartorio da Nobreza, Liv. VI, fls. 29).

CORÔA: A de Marquez.

CREAÇÃO DO TITULO: Barão por decreto de 23 de Agosto de 1841. Visconde com grandeza por decreto de 16 de Desembro de 1843. Marquez por decreto de 2 de Desembro de 1854.


MONTE ALEGRE. (2º Barão de) Joaquim Pereira da Silva.

CREAÇÃO DO TITULO: Barão por decreto de 23 de Outubro de 1873.


MONTE ALTO. (Barão do) Francisco Alves da Silva Pereira. Commissario de café no Rio de Janeiro.

CREAÇÃO DO TITULO: Barão por decreto de 25 de Setembro de 1889.


MONTE BELLO. (Barão com grandeza de) Joaquim Marinho de Queiroz.