Diferenças entre edições de "Em Tradução:A Arte da Guerra/I"

860 bytes adicionados ,  10h38min de 28 de julho de 2006
sem resumo de edição
m
22 . Golpear o inimigo quando está desordenado. Preparar-se contra ele quando se está em segurança de todos os lados. Evitar-lhe no período em que ele está mais forte. Se teu oponente tem temperamento colérico busque irritá-lo. Se é arrogante, trata de fomentar seu egoísmo.
 
23 . Se as tropas inimigas se acham bem preparadas após uma reorganização, intenta desordená-las. Se estão unidas, semeia a dissensão entre suas fileiras. Ataca o inimigo quando não está preparado, e aparece quando não te espera. Estas são as chaves da vitória para o estrategista.
 
24 . Agora se as estimativas realizadas antes da batalha indicam vitória é porque os cálculos, que devem ser cuidadosamente efetuados, mostram que as tuas condições são mais favoráveis que as condições do inimigo. Se indicam derrota é porque mostram que as condições para a batalha são menores. Com uma avaliação cuidadosa pode-se vencer : sem ela não é possível.Muito menos oportunidade de vitória terá aquele que não realiza cálculo nenhum .
 
25 . Graças a este método pode-se examinar qualquer situação e definir o resultado claramente.