Diferenças entre edições de "Comiguo me desavym"

147 bytes adicionados ,  14h22min de 2 de abril de 2016
sem resumo de edição
m (555 moveu a página Comigo me desavem, para Comigo me desavem sem deixar um redirecionamento: título baseado em primeiro verso não deve incluir vírgula)
{{navegar
|autor=Sá de Miranda
|obra=ComigoComiguo me desavem,desavym
|notas=Cantiga publicada em 1516 no ''[[Cancioneiro Geral]]'' de [[Autor:Garcia de Resende|Garcia de Resende]].
|notas=
}}
 
<poem>
ComigoComiguo me desavemdesavym,
vejo-m' em grande perigoperygo,
nam posso vivervyver comigocomyguo,
nem posso fogir de mim mym.
 
Antes qu'este mal tevesse,
da outra gente fogia;
agora ja fugiria
de mim, se de mim podesse.
Que cabo espero, ou que fim
deste cuidado que sigo,
pois que trago a mim comigo,
tamanho inimigo de mim?
 
Antes qu' este mal tevesse,
da outra gente fogiafugya;
aguora ja fugyrya
de mimmym, se de mimmym podesse.
Que cabo espero, ou que fimfym
deste cuidadocuydado que sigo, syguo?
pois traguo a mym comiguo,
tamanho inimigoimiguo de mim? mym.
</poem>
 
[[Categoria:Sá de Miranda]]
[[Categoria:Cantigas cantigasrenascentistas]]
[[Categoria:Cancioneiro Geral]]
[[Categoria:Poesia Palaciana]]
[[Categoria:Obras em português antigo]]