Diferenças entre edições de "Refutação de todas as heresias/I/XIX"

161 bytes adicionados ,  13h09min de 10 de agosto de 2008
sem resumo de edição
|posterior=[[Refutação de todas as heresias/I/XX|I:XX]]}}
 
Epicuro, entretanto, teve uma opinião contrária a quase todos. Ele supôs, como princípios originais de todas as coisas, átomos e o vazio<ref>A teoria atômica é, como já mencionada por Hipólito, de uma época mais antiga do que Epicuro, sendo esboçada primeiramente por Lêucipo e Demócrito. Entretanto, como argumenta Cudworth, é freqüentemente negligenciado por aqueles que postulam que a teoria atômica não é mais antiga do que o fundador da filosofia epicureana.</ref>. Ele considerou o vazio sendo que continha as coisas que viriam a existir, e átomos como a matéria das coisas que seriam formadas; e que da multidão de átomos, a deidade e todos os elementos e as coisas inerentes a eles, assim como animais e outras (criaturas), foram formados; então nada foi criado ou veio a existir sem os átomos. E ele afirmou que esses átomos eram feitos de partículas extremamente pequenas, nas quais não poderiam existir pontos ou manchas, ou qualquer divisão; daí ele os chamou de átomos<ref>NT: Literalmente, “indivisíveis”.</ref>. Reconhecendo a deidade como sendo eterna e incorruptível, ele diz que Deus não tem cuidado providencial por nada, e que não existem coisas como providência ou destino, mas que todas as coisas acontecem de acordo com a oportunidade. Porque a deidade repousa em espaços intermundanos, e tudo é nomeado por ela; porque fora do mundo há uma habitação de deus, denominado “espaço intermundano”, e que a deidade rendeu-se ao prazer, e ficou com seu bem-estar entre a suprema felicidade; e queassim ela não tem consciência de seu dever, e nem dá atenção a ele<ref>Ou "nem que ele tenha trabalho para fazer, nem presta atenção. como conseqüência", etc.</ref>. Como conseqüência dessas opiniões, ele também propôs sua teoria em relação à sabedoria, dizendo que o fim da sabedoria é prazer. Entretanto diferentes pessoas tiveram interpretações diferentes da palavra “prazer”; alguns (entre os gentios<ref>"Entre os gentios" parece ser um erro. Nossa leitura proposta é: "alguns (entendem) como sendo as paixões sensuais" ou "alguns entendem a paixão". Segundo o cometador francês, Cruice, "entre os gentios" foi adicionado por outros cristãos para evocar um contraste entre os cristãos virtuosos e os pagãos viciosos.</ref> entenderam) como sendo as paixões, e outros como sendo a satisfação causada pela virtude. E ele concluiu as almas do homem se decompõem junto com seus corpos; assim como são produzidos junto com eles, porque eles são sangue, e quando ele se vai ou é alterado, o homem perece completamente; e mantendo esta doutrina, (Epicuro ensinou) que não existem julgamentos no Hades ou tribunais de justiça; então qualquer coisa que qualquer um cometer nesta vida, que, possa escapar de ser descoberto, está completamente alémlivre deda responsabilidade de julgamento (em um estado futuro). Deste modo, então, Epicuro formulou suas opiniões.
 
== Notas ==
<references />
[[Categoria:Refutação de todas as heresias]]
[[en:Ante-Nicene Fathers/Volume V/Hippolytus/The Refutation of All Heresies/Book I/Part 21]]
2 595

edições