Página:Americanas.pdf/160


Das vozes nossas. Ouvirás, entre ellas,
Talvez, em labios de indiana virgem!
Ésta saudosa e suspirada nenia:



«Morto, ó morto o cantor dos meus guerreiro
Virgens da matta, suspirae commigo!

«A grande agua o levou como invejosa.
Nenhum pe trilhará seu derradeiro
Funebre leito; elle repousa eterno
Em sitio onde nem olhos de valentes,
Nem mãos de virgens poderão tocar-lhes
Os frios restos. Sabiá, da praia
De longe o chamará saudoso e meigo,
Sem que elle venha repetir-lhe o canto.
Morto, e morto o cantor dos meus guerreiros!
Virgens da matta, suspirae commigo!



Elle houvera do Ybake o dom supremo
De modular nas vozes a ternura,
A cholera, o valor, tristeza e magua,
E repetir aos namorados echos