Página:Arte da Lingoa de Iapam.pdf/10

PROEMIO.

de muytos annos tinha aduertido, & aprendido de algũs naturaes muyto entendidos em ſua lingoa, & letras. Bem vejo que como eſta lingoa he tam copioſa, & abundante, ſempre ao diante ſe yrão deſcobrindo nouas couſas, mas neſtas que aqui pus procurey que pello menos não ouueſſe erro fazendo niſſo todo o exame, & diligencia q̃ me foy poſsiuel.

O que reſta he q̃ depoys de aprendidos eſtes principios neceſſarios, quem quiſer falar polida, & elegãtemente ſe de muyto á lição dos liuros que os autores graues de Iapão compuſerão de ſuas couſas, por q̃ nelles està encerrada a pura, & elegãte lingoa, aqual nẽ aynda os meſmos naturaes ſem eſte eſtudo ſabẽ perfeytamente: & com iſto, & com o trato cõmum ſe conſiguirà o fim q̃ ſe pretẽde, q̃ he ſabida a lingoa ajudar à cõuerſam deſta nação, & cultiuação da Chriſtandade, a mayor Gloria de Deos noſſo ſenhor, por cujo amor, & das almas tomamos eſte pequeno trabalho.

João Rodriguez.


Arte da lingua, decoração, 6.png