Página:Aviario brasilico ou Galleria ornithologica das aves indigenas do Brasil.pdf/16

4
ornithologia fundamental


§. V.

O

Primeiro passo que deve dar, o que pertende con seguir a sciencia da Ornithologia, he adquirir huma idéa clara do exterior das aves; a qual não será difficil, ao que conhecer a construcçào, e figura exterior do corpo humano. Como se não requer hum conhecimento anatomico das suas partes interiores, fico dispensado de fazer a exposicão; bastar-me-há notar que lhes faltão algumas. Querendo o Author da Natureza dar-lhes hum corpo mais leve, para que seu pézo, e gravidade não fosse embaraçoso á ligeireza do seu voo, sabiamente as privou de certas partes, que lhes erão menos necessarias, e as dotou de hum mecanismo, ou organisaçào mais resumida. Isto comprehenderá mui bem, o que quizer reflectir no motivo, porque as aves, que excedem ás outras no seu volume, e pèzo, como por exemplo as Avestruzes, se voltarão de voláteis em pedestres. O Abutre, denominado grypho, ( a )[1] a maior entre todas , as que voão, bem que rarissimas vezes o faça, com tudo, quando acontece fazello, espanta, e atemoriza a todos, que o presenceão, pelo estrondo, semelhante a hum trovão, que faz com a batedura, adeaumento e vibração das suas azas, e por consequencia, para que fossem mais leves, e ligeiras, fez que lhe não fossem necessarias orelhas, beiços, dentes, escroto, e cauda comprida, corpo calloso no cérebro, ceo da boca (fornix), campainhas, (epiglotis), diaphragma, bexiga, etc. O que não obstante, encontramos em muitas dois estomagos, o anterior dos quaes ( que vulgarmente se chama papo) faz as vezes do ventriculo remoedor dos animaes ruminantes: o posterior he menor, musculoso, e forrado por dentro de huma membrana cartilaginosa.


§. VI.

D

Ividiremos o corpo das aves, á imitação dos Anatomicos, em cabeça apoiada sobre o pescoço, tronco, e membros, e nestes incluiremos azas, pés, iropigie (vulgo bispo). Foi sabiamente disposto, que tivesse a ave dois centros de gravidade, hum quando pousa, ou anda pela terra, e outro quando voa, ou corta o ar: parece que, para este fim, se lhe deo o pescoço proporcianado para se poder encolher, ou estender, segundo o pedirem as circumstancias da sua situação. Figura-se a parte do peito chamada sternon, como huma quilha de embarcação; talvez por ser esta figura mais geitosa para romper o ar, e dirigir o voo de altabaixo, sem o perigo de lhe britar os ossos , ou desmanchar com algum embate. O seu maior vigor, e forças estão nas partes, que maior exercício tem nas vibrações, e movimentos do ar: e por esta rasão todas ellas, á excepçào da Avestruz, que se vale da carreira, tem os musculos mais fortes, e mais densos junto ao sternon. O arcabouço, ou armação do peito lhes cobre a maior parte do abdomen, ou baixo ventre, o qual tem huma unica abertura, que serve igualmente ao anus, e aos genitaes. As azas são, á maneira de braços, formados do modo seguinte: o primeiro osso he, o que chamamos cana do braço, ao qual se seguem os dois ossos parallelos, e compridos do cotovello, a estes outros dois parallelos, e curtos do carpo: a estes finalmente mais dois ossos mediocres, parallelos, e unidos do meta, carpo; os quaes se terminão por outros dois, pegados parallelos, adelgacados, e desiguaes, a que chamão dedo: hum maior com duas articulações, e outro menor, e ambos conjuntamente fazem hum dedo. Junto á base superior distante, isto he, junto á base do metacarpo se vé o polegar, que muitas vezes se conhece constar

dos
  1. ( a ) Vulgo Condor, Guiráocu.