Abrir menu principal


AFRA


Resurges dos mystérios da luxuria,
Afra, tentada pelos verdes pômos,
Entre os sylphos magnéticos e os gnômos
Maravilhosos da paixão purpurea.

Carne explosiva em polvoras e furia
De desejos pagãos, por entre assômos
Da virgindade — casquinantes mômos Rindo da carne já votada á incuria.