Página:Broqueis.pdf/70



Deixam nos céos uma outra luz mortuaria,
Uma outra luz de lividos martyrios,
De agonias, de magoa funeraria...

E causas febre e horrôr, frio, delyrios,
Ó Noiva do Sepulchro, solitaria,
Branca e sinistra no clarão dos cyrios!