Abrir menu principal

Página:Escudo admiravel para os males da vida.pdf/41


favorecem os seus devotos na vida, e na morte, claro fica, que tambem vos haõ de favorecer no Divino Tribunal perante o Supremo Juiz dos vivos, e dos mortos: quem toma á sua conta o defender a outrem, entaõ mostra mais cuidado, e diligencia, quando a necessidade he maior; e quando da sua protecçaõ depende toda a ventura, ou desgraça do affilhado. E que maior necessidade, que occasiaõ mais apertada, que tempo mais perigoso, em que nos seja taõ preciso o valimento, e patrocinio de JESUS, MARIA, JOZE', do que quando havemos de ser severamente julgados do bem, e mal, que tivermos feito, e quando se nos há de pronunciar naquelle Rectissimo, e Supremo Tribunal a sentença definitiva da nossa felicidade eterna, ou eterna infelicidade? Eis-aqui o lance apertado, para o qual nós mais, que para nenhum outro, desejamos a protecçaõ dos Santos; e onde fica, ou inutil, ou efficaz o valimento dos nossos Santos Protectores. JESUS,

esse