Página:Leal consselheiro.djvu/300


o ?.t?A?. COSSSV. LUv. tRO. mym scripto, pera meu auysam?to, e odar aos 4] al- gu?s obras mandass? lralladar, e semelh?tte se uos prouuer poderees lazer. Efiz logo screuer sorav5 do justo juizjhtl xpS, 4] aUosso requerim?to per myra tralladey delatym /? nossa lynguag?, assy rimada, na quai n6 pude b? guardar 4] as pal!auras todas fossem scriptas pot as fazer c6ssoar, nS se fez ? melhor forma pot leuar amaneira em 4] per !ati era feit?. Noueno,- hu? regym?to 4] fiz perao estamago por 4] aboa saudo corporal he cousa b? deprezar, e aqueste regim?to n5 soilam?te ao estamago aproueita, roes quem aguardar. como c6uem na geeral maneira de seu uyuer quanto aesto perteece por b? regido sera contado. Decimo, amanmra de conhecer aestre!la da norte e per elias suas guardas aamea nolte, e menha?, segundo per ?jm gram t?po ha �oy deuysado Eposto ? scripto peru ze de coor poder saber, como defeito ? estes reinos,' ossab? t?tos, ?1 n5 p?sso 4] o assy geeralm?te saibh? ? outra terra, posto 4] della uenh? os rellogios da lha' 4] traz? as figuras has cuberturas, pot 4] se pode b? saber ot?po da mea nolte sol!amOre, roes eu orde- s?ei duas rodas hu? dameanoite e soutra damanha? c5 seu regym?to pera se detodo auer boo conhecim?to, he cousa b? proueitosa e praziuel sos mais ?] assab?,? pot .4] ?ttes n6 p?.s?; 4] seja det?tto proueito e prazer, como per speriencm muytas uezes ossent8 Epor 4] on 4] assabem te? ajuda pera seerera melhor regidos. Item huCi capitu!1o, t] fa!!a da lealdade pot fym detodo este trautado E algu?ts cousns tenho scriptas no liuro 4] fa- ro dessaber bern andar acauailo, e lazer as boas ma- nhas ?1 se custumam fazer em elles E outras 4] pot x?om seerera taaes clue auos pertee?am quy tralladar. Oo