Página:Novas Horas Marianas ou Officio Menor da SS. Virgem Maria Nossa Senhora.pdf/134


dos os seus, pela redempção das suas almas, pela esperança da sua saüde e da sua conservação, e vós fazem os seus votos, como a seu Deos vivo e verdadeiro.


ficium laudis pro se suisque omnibus, pro redemptione animarum suarum, pro spe salutis et incolumitatis suæ, tibique reddunt vota sua æterna Deo, vivo et vero.


Aqui faz o Sacerdote uma pequena pausa, para encommendar a Deos aquellas pessoas por quem quer pedir em particular, e depois continua:


Nós que participamos d'uma mesma communhão, e honramos a memoria primeiramente da gloriosa sempre Virgem Maria, Mãi de Deos nosso Senhor Jesu-Christo, e a dos Bemaventurados Apostolos e Martyres Pedro e Paulo, André, João, Thompé, Thiago, Phillipe, Bartholomeu, Mattheus, Simão e Taddeo, Lino, Cleto, Clemente, Sixto, Cornelio, Cypriano, Lourenço, Chrysogono, João e Paulo, Cosme e Damião


Communicantes, et memoruam venerantes, in primis gloriosæ semper Virginis Mariæ, genitricis Dei et Domini nostri Jesu-Christi; sed et beatorum Apostolorum ac Martyrum tuorum Petri et Pauli, Andreæ, Jacobi, Joannis, Thomæ, Jacobi, Phillipi, Bartholomæi, Matthæi, Simonis et Thaddæi, Lini, Cleti, Clementis, Sixti, Cornelii, Cypriani, Laurentii, Chrysogoni, Jo