Abrir menu principal

Página:Phalenas.pdf/128

— 124 —

Zombão d′elles enchendo o espaço em torno
        De alegres gargalhadas.

Quando o outono voltou, vi na montanha
        Os meus pinheiros vivos,
Brancos de neve, e meneiando ao vento
        Os galhos pensativos.

Volvi o olhar ao sitio onde escutára
        Os risos mofadores;
Procurei-as em vão; tinhão morrido
        As zombeteiras flôres.