Saci pererê

Saci pererê
por Chiquinha Gonzaga


Lá no alto da montanha
Nasce o sol todo encarnado
Minha amizade é tamanha
Que me faz cair no fado

Quebra, quebra gente boa
Quebra, quebra até morrer (coro)
Quem não dança é gente à toa
Isto é só pra moer

Dance primeiro o fado
A cumadre, que é segura
Só fica sossegado
Quem tiver a perna dura

Ô, seu velho sacudido
Puxa a fieira com seu jeito
Não se atrapalhe comigo
Encosta a barriga e o peito

Sinhá Dona Filomena
Não me provoque assim
A barriga sobe logo
Chegue-se, chegue-se a mim

Lá vem o sol nascendo
Redondo como um botão
Quem sente o amor ingente
Tem sempre consolação