Andorinha do coqueiro (I)

Andorinha do coqueiro,
Dá-me novas do meu bem;
Os meus olhos 'stão cansados
De chorar por quem não vem.