Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/Araujo Maia (Barão de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
Araujo Maia (Barão de)


ARAUJO MAIA. (Barão de) Honorio de Araujo Maia.

Nasceu em 8 de Janeiro de 1838, na Fazenda de Bom Jardim, na Estação do Commercio, Municipio de Valença.

Falleceu′ em Petropolis a 8 de Maio de 1904.

Filho do Major José Joaquim de Araujo Maia e de sua mulher D. Theodosia Vieira da Cunha Maia.

Casou em 9 de Novembro de 1861 com D. Candida Rosalina de Souza Maia, nascida em Diamantina, na Provincia de Minas Geraes, em 4 de Setembro de 1843 e ainda vive. Era filha de José Joaquim de Souza Maia e de sua mulher, D. Francisca Theresa de Aguiar Souza.

Era sobrinho do Barão de Magdalena, por Portugal, já fallecido.

Era fazendeiro de café em Petropolis, depois dedicou-se ao commercio de café na cidade do Rio de Janeiro. Esteve por algum tempo no estrangeiro fazendo propaganda d′este producto e quando na Russia, foi honrado com o titulo de cidadão da Municipalidade de Nidji-Novgorod. Foi um dos organisadores da Estrada de Ferro Principe do Grão-Pará.

Commendador da Imperial Ordem de S. Estanisláo da Russia e Commendador da Imperial Ordem da Rosa.

CREAÇÃO DO TITULO: Barão por decreto de 9 de Agosto de 1884.