Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/Jaguarary (2º Barão de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
Jaguarary (2º Barão de)


JAGUARARY. (2º Barão de) Marcos Antonio Bricio.

Nasceu em S. Luiz do Maranhão, nessa Provincia, a 24 de Desembro de 1800.

Falleceu na Provincia do Pará, em 11 de Agosto de 1871.

Filho de Marcos Antonio Bricio e de sua mulher D. Maria Quiteria Bricio, natural de Lisboa e filha do D.r Dyonisio de Barues Freire, natural de Santarem, e de sua mulher D. Josepha Clara da Veiga, natural de Braga. Neto paterno de Jacomo Felippe Bricio, natural de Genova, e de D. Francisca Angelina Bricio, natural de Paris.

Foi Commandante Superior da Guarda Nacional do Pará, Presidente do Conselho Administrativo do Arsenal de Guerra, e Director dos indios. Era Brigadeiro reformado do Exercito, e foi Deputado pela Provincia do Ceará na 1ª legislatura de 1826 a 1829 e pelo Pará na 6º legislatura de 1845 a 1847

Era Commendador da Imperial Ordem de S. Bento de Aviz, Cavalleiro da Imperial Ordem do Cruzeiro, Official da Imperial Ordem da Rosa e Commendador da Real Ordem de S. Jorge de Napoles. Era membro do Instituto Historico e Geographico Brasileiro.

CREAÇÃO DO TITULO: Barão por decreto de a de Desembro de 1854.