Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/São João da Barra (1º Barão com grandeza de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
São João da Barra (1º Barão com grandeza de)


SÃO JOÃO DA BARRA. (1º Barão com grandeza de) José Alves Rangel.

Nasceu em S. João da Barra, Provincia do Rio de Janeiro, em 24 de Abril de 1779.

Falleceu em sua Fazenda do Caethé, nessa Provincia, em 1 de Novembro de 1855.

Filho do Alferes Domingos Alves de Barcellos e de sua mulher D. Izabel da Silva Rangel.

Casou com D. Maria Francisca Alves Rangel, fallecida em S. João da Barra.

Em 1807 era já Alferes do Regimento nº 12, em 1823 sentou praça na Guarda de Honra Imperial, e foi reformado no posto de Major em 1828. Foi mais tarde Juiz de Paz e Vereador da Camara Municipal, varias vezes, Presidente da Camara em 1847 e Juiz Municipal.

Era Cavalleiro da Imperial Ordem de Christo e Official da Imperial Ordem da Rosa, e Grande do Imperio.

BRAZÃO DE ARMAS: Escudo partido em pala: na primeira, de vermelho, um gallo de prata andante, cristado e armado de oiro; na segunda, de oiro, uma destra ao natural tendo uma canna de assucar de sinople, pósta em pala. Uma bordadura de azul, carregada, em chefe, da insignia da Ordem de Christo, e em ponta, da medalha de Official da Imperial Ordem da Rosa. Divisa: Vele nessa gloria, que é o anagramma do apellido José Alves Rangel. (Brazão passado em 24 de Março de 1855. Reg. no Cartorio da Nobreza, Liv. VI, fls. 19).

CORÔA: A de Conde.

CREAÇÃO DOS TITULOS: Barão por decreto de 25 de Março de 1849. Barão com grandeza por decreto de 2 de Desembro de 1854.