Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/São Lourenço (Barão e Visconde com grandeza de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
São Lourenço (Barão e Visconde com grandeza de)


SÃO LOURENÇO. (Barão e Visconde com grandeza de) Francisco Gonçalves Martins.

Nasceu na Villa de Santo Amaro, na Bahia, em 12 de Março de 1807.

Falleceu na Bahia em 10 de Setembro de 1872.

Filho do abastado fazendeiro, Coronel Raymundo Gonçalves Martins.

Casou com D. Maria da Conceição Peçanha Martins.

Estudou em Coimbra em 1827, e tomando parte nos movimentos politicos em favor de D. Maria, teve de emigrar, e voltando ao Brasil, em 1830, foi-lhe conferido o gráo de bacharel em direito, com dispensa do ultimo acto academico.

Seguio a magistratura, aposentando-se com as honras de Ministro do Supremo Tribunal de Justiça. Foi chefe de Policia na Bahia, quando rebentou a revolução do Sabino, em 1837. Presidiu a sua Provincia duas vezes, de 1848 a 1852 e de 1868 a 1871, e representou-a na Assembléa Geral nas 3ª e 8º legislaturas desde 1834 a 1851, quando foi nomeado Senador pela mesma Provincia.

Foi Ministro do Imperio no 11º Gabinete Itaborahy, de 1852, era do Conselho de S. Magestade, Grande do Imperio, Commendador da I. Ordem de Christo e socio do Instituto Historico e Geographico Brasileiro desde 1845.

CREAÇÃO DOS TITULOS: Barão com grandeza por decreto de 14 de Março de 1860. Visconde com grandeza por decreto de 15 de Novembro de 1871.