Abrir menu principal

Archivo nobiliarchico brasileiro/Sabará (Visconde do Fanado, e Marquez de)

Archivo nobiliarchico brasileiro
José Smith de Vasconcelos e Rodolfo Smith de Vasconcelos
Sabará (Visconde do Fanado, e Marquez de)


SABARÁ. (Visconde do Fanado, e Marquez de) João Gomes da Silveira Mendonça.

Nasceu na cidade de S. Miguel, na Provincia de Minas Geraes, em 1781.

Falleceu em 2 de Julho de 1827.

Filho de João Gomes Pereira.

Sentou praça em 28 de Março de 1801, no regimento de Cavallaria, de Minas Geraes, e foi reconhecido cadete nesse mesmo anno. Seguindo para a Europa, fez em Lisboa os cursos de sciencias physicas e naturaes, e regressando ao Brasil, foi promovido a Capitão e Ajudante de Ordens do General Inspector Geral de Artilharia e Fundições.

Coronel em 1816, serviu de Addido ao Estado Maior.

Foi Deputado ás Côrtes Constituintes Portuguezas, em 1821, pela Provincia de Minas Geraes, e um dos signatarios da Constituição brasileira, tendo sido membro da Constituinte brasileira, em 1823.

Inspector da Fabrica de Polvora, foi Brigadeiro, em 1822; Ministro da Guerra no 3º Gabinete de 1823; Senador pela Provincia de Minas Geraes em 1826, e Conselheiro de Estado, em 1824. Grande do Imperio e Dignitario da Imperial Ordem do Cruzeiro.

CREAÇÃO DOS TITULOS: Visconde com grandeza do Fanado, por decreto de 12 de Outubro de 1824. Marquez de Sabará por decreto de 12 de Outubro de 1826.