Abrir menu principal

Diz Dom Sancho careca, o carraspanas

(Diz Dom Sancho careca, o carraspanas)
por Luís da Gama
A UM FABRICANTE DE PILULAS


SONETO

ILLMS. SRS. DA MUNICIPAL


Diz Dom Sancho careca, o carraspanas,
Antigo charlatão pelotiqueiro,
Por força da natura cozinheiro,
Actual compositor de trabusanas,

Que a bem de seus direitos, sem chicanas,
Por honra da sciencia, em que é primeiro,
Os fóros se lhe dê de calhandreiro
Dos effeitos das purgas paulistanas.

E sendo o supplicante o sabichão,
Inventor do systema da rapina,
Reclama uma patente de invenção.

Requer para seu uso uma batina,
De burro uma queixada por brasão,
Sem fundos um barril por barretina.