Abrir menu principal

Qual de pedra colosso ou monte Atlante

(Qual de pedra colosso ou monte Atlante)
por Luís da Gama
AO MESMO


SONETO


Qual de pedra colosso ou monte Atlante,
De horrenda catadura, horrendo porte,
Rugindo se apresenta qual Mavorte,
Borrachudo Averroes alti tonante.

Impondo de Doctor o ruminante,
De catrambias atira a negra morte,
Das fauces lhe despara o vento norte
Com tremendo estampido retumbante.

Eis que surge Chiron d’alta memoria
E vendo esse monturo de bagaço
Raivoso então bradou, rasgando a historia;

“Silencio, ó charlatão! Nem mais um passo,
“Que levo-te a vergalho, á palmatoria,
“Transformo-te n’um burro, e mais não faço.