Página:Espumas fluctuantes (corr. e augm.).djvu/153

145
ESPUMAS FLUCTUANTES


Mas ai! Que a treva intsrna — a duvida constante —
Deixaste assoberbar-nie em funda escuridão!...

E uma voz respondeu nas sombras triumphante:
— Acoende, ó viajor! a fé no coraçílo... —.

Curnlinho, õ de Junho de 1870.

E SPIMAS FLUCTl AM ES