Abrir menu principal

Página:Espumas fluctuantes (corr. e augm.).djvu/265

257
ESPUMAS FLUCTUANTES


NO MEETING DO GOMITK DU PAIN


Já que a terra estacou na orbita immensa.
Já que tudo mentiu — a gloria! a crença!

A liberdade! a cruz!
E o Sysipho dos séculos — assombrado —
Viu rolar-lhe do dorso ensanguentado

O rochedo de luz...

Já que o amor transmudou-se em ódio acerbo,
Que a eloquência é o canhão, a bala — o verbo,

O ideal, o horror!
E nos fastos do século os tyrannos
Traçam com a ferradura dos uhianos

O cyclo do terror;