Página:Leal consselheiro.djvu/140


O. LRAL (?ONSSELH?--I?O. 1'?'9 do, corn alggUA tai maneira deuvuer 9ue uirtuosa pa- re?a, ou di na demericimento Nora se?do lembrados daquella pallaura, quem em huff pecado fallece em todo? he culpado. C?pitullo XXXIX. �m ? mosfram' as partes per ? qu� ?e ?, �m?- no?sa condi?om. ?era tirar ?an?esia e duuyda, que nora podemo? aboo esta?o de?das uirtudes. Eu aeho que ?r tod? 'es?s ?r?s n? he dada, e outorgada eondi?om, o mujtas ue?es mudada, ?gundo em nos e per out?m bern ?deremos sendr, e conh?er. Da terra comprei? ?m, Do iei?o, e uyandas eria?om Dos p?entes ?m Das doen?as e acontecim?tos oeasi? Das pr? netas costella?om Dos senhores e amygos conue?a ?om Deno?o senhor deos per special spiralore n? ha ou?rgada, condi?om, e discre,ore Aquestas cousan nn? scriptas, 'que mudam nossa discre,ore, e condi= ?e m, sereuy em simprez rimanCo, por se melhor rein reteer das quaaes ?r declara?om, ponho e? xempros. Prymeiro da te?a comprejssom ?to ueem? ?ora?as an?so senhor, como em geeral os mais det? s portugueses sore ]eaaes e debts eora?oo?, Eos lgreses, va]lent? home? darmas, deg?de eboo r?y- mento. em s? igreias. e casas,. Eassy quaaes quer outras 'na?oo6s teem g?eralmente algu? u?rtudess f?!le?ymentos ? nora ?ue todo!1os dorreyno,' ou senh? rso s?ualmente as ajam, mas em geeral teem deilo g.rande parte. Das mudan??as que as uyandas e leite fazem em nosass c?i?oo?s compreyssofes, os fisicos seisin preguntados', e.aesperiencia da gr,? testemunho A .geeral maneira'de uirtudes e malles que ueemos em alg'u?s.lynhageSs, nos mostra quanto dos padres,, e madres lilhamos em .nossas 'condi?oo?s, eatender, e uirtudeL Ca bern; ueemos os .reals dalgutls,' boos ho? , R Digitized by GOO2J(?