Página:Obras completas de Luis de Camões III (1843).djvu/27


REDONDILHAS

Á MESMA.

Dama d’estranho primor,
Se vos for
Pezada minha firmeza,
Olhae não me deis tristeza,
Porque a converto em amor.
E se cuidais
De me matar, quando usais
D’esquivança,
Irei tomar por vingança
Amar-vos cada vez mais.
Porém vosso pensamento,
Como isento,
Seguirá sua tenção,
Crendo qu’em tanta affeição
Não haja accrescentamento.
Não creais
Que desta arte vos façais
Invencibil;
Que Amor sobre o impossibil
Amostra que póde mais.
Mas ja da tenção que sigo,
Me desdigo;
Que se ha tanto poder nelle,
Também vós podeis mais qu’elle
Neste mal que usais comigo.
Mas se for
O vosso poder maior
Entre nós,
Quem poderá mais que vós,