Abrir menu principal

Vida e Feitos D' El-Rey Dom João Segundo/CXXIV

Vida e Feitos D' El-Rey Dom João Segundo por Garcia de Resende
Do primeyro banquete de cea que el-rey deu na sala da madeyra


E logo aa terça-feyra aa noyte ouve banquete de cea na sala da madeyra, em que el-rey e a rainha e o principe, a princesa comeram, e com elles o duque, e o senhor Dom Jorge e Rodrigo d' Ilhoa embaixador; todos em hũa grande mesa com muyto grandes dorsees de brocado que tornavam toda a salla a través. E na primeyra mesa da mão dereyta comia o marquês de Villa Real com as senhoras, donas e damas, e na primeyra da mão esquerda o arcebispo de Braga, e o bispo d' Evora, e bispos, e condes, e pessoas principaes do conselho, que eram muitos de hũa parte e da outra, assi homens como molheres. E aa mesa d' el-rey com todollos oficiaes vestidos de brocados e servida per moços fidalgos que serviam de tochas e bacios ricamente vestidos. E as outras mesas todas com trinchantes e oficiaes vestidos de ricas sedas e brocados e muy galantes, e assi os moços da camara ordenados a cada mesa todos vestidos de veludo preto. No qual banquete ouve ynfinitas e diversas ygoarias e manjares e singular concerto e abastança, e muitas e assinadas cerimonias. E quando levavam aa mesa d' el-rey as ygoarias principaes e fruta primeyra e derradeyra, e de beber a elle e à rainha e ao principe e princesa, hiam sempre diante dous e dous muitos porteyros de maça, reys d' armas, arautos e passavantes, os porteyros-mores, quatro mestres-salas, o veador, e os veadores da Fazenda, e detras de todos ho mordomo-mor; e todos hiam com os barretes na mão atee o estrado onde faziam suas grandes mesuras; e os veadores da Fazenda hiam com os barretes na cabeça até o meo da sala, e do meo por diante os levavam na mão, e o mordomo-mor hia sempre cuberto atee ho fazer da mesura que juntamente fazia e tirava ho barrete. E era tamanha cerimonia que durava muyto cada vez que hiam à mesa. E o estrondo das trombetas, atambores, charamelas, e sacabuxas, e de todolos menistres era tamanho que se nam ouviam; e ysto se fazia cada vez que el-rey, a raynha, o principe e a princesa bebiam e vinham as primeiras ygoarias aa mesa; e a copeira era cousa espantosa de ver. E logo à entrada da mesa veo hũa grande carreta dourada, e traziam-na dous grandes bois assados ynteiros com hos cornos e mãos e pees dourados; e o carro vinha cheo de muitos carneiros assados ynteiros com os cornos dourados; e vinha tudo posto num cadafalso tam baixo com rodetas per fundo delle que nam se viam, que os boys pareciam vivos e que andavam. E diante vinha hum moço fidalgo com hũa aguilhada na mão picando hos bois que parecia que andavam e levavam a carreta; e vinha vestido como carreteiro com hum pelote e hum gabam de veludo branco forrado de brocado, e assi a carapuça que de lonje parecia proprio carreteiro; e assi foy oferecer os bois e carneiros aa princesa e feito o serviço, os tornou a virar com sua aguilhada por toda a sala atee sayr fora e deyxou tudo ao povo que com grande grita e prazer forão espedaçados, e levava cada hum quanto mais podia. E assi vieram juntamente a todalas mesas muitos pavões assados com os rabos ynteiros e os pescoços e cabeça com toda sua pena que pareceram muito bem por serem muitos e outras muitas sortes de aves e caças, manjares, e fruita, tudo em muito grande avondança e muita perfeiçam.

E ouve ahi hũa muito grande representaçam dhum rey de Guinee em que vinham tres gigantes espantosos que pareciam vivos de mais de quarenta palmos cada hum com ricos vestidos todos pintados d' ouro que parecia cousa muito rica; e com elles hũa muy grande e rica mourisca retorta em que vinham dozentos homens tintos de negro muito grandes bayladores todos cheos de grossas manilhas polos braços e pernas douradas que cuidavam que erão d' ouro e cheos de cascavees dourados e muito bem concertados: cousa muy bem feita e de muito custo por serem tantos, e em que se gastou muita seda e ouro; e faziam tamanho roydo com os muitos cascavees que traziam que se nam ouvião com elles; e assi ouve outras representações, e depois da cea muitas danças e outras muitas festas que quasi toda a noite duraram, cousa certo pera ver.