Abrir menu principal

Página:Espumas fluctuantes (corr. e augm.).djvu/185

177
ESPUMAS FLUCTUANTES


o HOSPEDE


Choro por ver que os dias pastam breves
K te esqueceg de mim quando te fores;
Como as brizas que passam dondns, leves,
B niU» tornam atrás a Ter as flores.

Thsophilo URAaA.

«Onde vaes, estrangeiro! Por que deixas
O solitário albergue do deserto?
O que buscas alóm dos horizontes?
Porque transpor opincaro dos montes,
Quando podes achar o amor tão perto?...

Pallido moço 1 Um dia tu chegaste
De outros climas, de terras bem distante>
Era noite!... A tormenta além rugia...
Nos abetos da serra a ventania
Tinha gemidos longos, delirantes.