A Divina Comédia

HSArchive.svg Este é um índice de diferentes versões de um mesmo texto. São listadas, a seguir:
  • Variações ortográficas de um mesmo texto original em português;
  • Fixações textuais construídas através de diferentes rascunhos deixados pelo mesmo autor;
  • Uma mesma obra que tenha sido traduzida em língua portuguesa mais de uma vez.

Entre as traduções em domínio público de A Divina Comédia, encontram-se:[1]

Traduções integraisEditar

por Francisco Bonifácio de Abreu.
  • A Divina Comedia, fielmente vertida do texto pelo Barão da Villa da Barra (obra posthuma). Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1887.[nota 1]
por José Pedro Xavier Pinheiro

Traduções integrais do "Inferno"Editar

  • Joaquim Pinto de Campos. A Divina Comedia de Dante Allighieri, versão portugueza commentada e annotada. Lisboa: Imprensa Nacional: 1886. (Tradução do Inferno)
  • José Pedro Xavier Pinheiro. Divina Comedia: Inferno, Rio de Janeiro: Typ. de Carlos Gaspar da Silva, 1888.[2]

Traduções de cantos isoladosEditar

Notas

  1. Publicado posteriormente por Imprensa Nacional: 1888 (obra póstuma); H. Garnier, 1907; H. Garnier, 1908, com ilustrações de Yan d'Argent; H. Garnier, 1910 (nova edição); São Paulo: Editora Cultura, 1942, com prefácio de José Peres.[1]
  2. Possui diversas adaptações posteriores, entre elas:
    • Divina Comedia, 2ª ed., 3v, Cuidadosamente revista, accrescida com setenta e cinco estampas de Gustavo Doré, enriquecida com o autographo do Traductor e acompanhada de um completo rimario organizado pelo filho do Traductor, Xavier Pinheiro (J. A.). Rio de Janeiro: Jacinto Ribeiro dos Santos (ed). 1916-1918
    • A Divina Comédia. Rio de Janeiro: W. M. Jackson Inc, 1948. 2V. Com prefácio de Raul de Pollilo
    • A Divina Comédia. Texto crítico italiano da "Società Dantesca Italiana", illustrado com 136 gravuras por Gustavo Doré. São Paulo: Livraria Editora Importadora Americana de Livros, 1946. 2v.
    • A Divina Comédia. São Paulo: Atena Editora, 1950 (1ª ed.), 1955 (2ª ed.), 1957 (3ª ed.).
    • A Divina Comédia. Rio de Janeiro: Ed. Calçadense, 1961

ReferênciasEditar